A posse dos promotores substitutos do Ministério Público Estadual (MPE-TO) que havia sido anulada pelo procurador-geral de Justiça na última quinta-feira, 20, ocorreu na manhã desta sexta-feira, 21. A reviravolta aconteceu porque os promotores entraram com um mandado de segurança na Justiça, que por sua vez concedeu liminar, ainda na última quinta, determinando na posse d...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários