A Polícia Civil concluiu as investigações sobre um estupro cometido por um homem de 31 anos contra uma menina de 10 anos por diversas vezes em Nova Olinda. O suspeito é ex-padrasto da vítima e com a conclusão do inquérito, a Delegacia de Polícia indiciou o investigado por estupro de vulnerável e também porte ilegal de arma de fogo, sendo que as penas dos dois crimes p...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar o Jornal do Tocantins

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários