C. V. O. , 25 anos, estuda para ser comissária de bordo. Há duas semana ela foi assediada quando estava em um bar da região Sul de Palmas. Ela relata que conversava com um amigo quando de repente um desconhecido passou a mão em seu corpo. Incomodada, ela reclamou. “Ele me chamou para dançar e eu recusei; ele insistiu, continuei recusando; ele saiu de perto e retornou com ...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine o Jornal do Tocantins!
QUERO SER ASSINANTE
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários