Domingos Vieira da Silva terá que cumprir 15 anos de prisão em regime fechado por matar a facadas Adriano Gomes Nogueira em julho do ano passado na cidade de Tocantinópolis, região Norte do Estado. Decidida por júri, a condenação é desta sexta-feira, 2, e a dosagem da pena definitiva é do juiz e presidente do júri Helder Carvalho Lisboa. O condenado confessou o crime...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários