Dezenove detentos que fugiram da Unidade de Tratamento Penal Barra da Grota, localizada em Araguaína, Norte do Estado, foram denunciados pelo Ministério Público do Estado (MPE-TO) pelos crimes formação de organização criminosa, evasão mediante violência contra a pessoa, roubos e sequestros, tentativas de homicídio, furto, disparo de arma de fogo, tentativas de latrocínio e...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários