Atualizada às 17h50 Em despacho publicado nesta quinta-feira, 23, no site do Tribunal de Contas do Estado (TCE) o conselheiro Alberto Sevilha aponta uma série de ilegalidades na retomada do estacionamento rotativo em Palmas e recomenda que a prefeitura de Palmas adote medidas para coibir a cobrança, que voltou a ser feita após a retomada do serviço pela empresa ...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários