Depois de uma semana no cargo, o secretário de imprensa do Planalto, Paulo Fona, foi exonerado nesta terça-feira, 13. Ele foi anunciado no último dia 25, mas só assumiu oficialmente na semana passada. “A decisão da minha exoneração pelo Presidente da República me pegou de surpresa”, disse Fona em nota enviada a jornalistas. Segundo Fona, o pedido de demissão teria ...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários