Senadores da oposição e da ala independente da CPI da Covid querem acelerar o novo depoimento do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. A posição foi debatida em reunião neste domingo (30). Ainda não há data prevista para a segunda oitivia de Queiroga, mas a ideia é que ocorra em junho. "Acho que, como ministro da Saúde, [Queiroga] se omite. Silenciar diante da p...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar o Jornal do Tocantins

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários