A Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Tocantins (OAB-TO) disse ontem que ainda não havia sido notificada oficialmente sobre a decisão do juiz da 1ª Escrivania Cível de Tocantínia, Alan Ide Ribeiro da Silva relativa a ação de improbidade administrativa contra os escritórios Melo & Bezerra Advogados Associados e o Brom & Brom Advogados Associados e seus sóci...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine o Jornal do Tocantins!
QUERO SER ASSINANTE
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários