Uma decisão judicial assinada neste domingo, 25, pelo desembargador plantonista Marco Villas Boas determina a suspensão do Concurso Público da Polícia Militar durante o período transitório da chefia do Executivo Estadual. No documento, Villas Boas proibe, inclusive, a divulgação das notas e pontuações dos candidatos, bem como dos resultados do certame A decisã...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine o Jornal do Tocantins!
QUERO SER ASSINANTE
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários