O Instituto de Gestão Previdenciária do Tocantins (Igeprev) informou ontem ter encontrado um dos erros no envio dos dados e corrigiu a informação no Ministério da Previdência Social (MPS). Erros na transmissão de dados é a justificativa do instituto para o Relatório de Irregularidades do MPS, que aponta que o Igeprev deixou de receber R$ 40,7 milhões de contribuições p...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários