O juiz da 2ª Vara da Fazenda e Registros Públicos de Palmas, José Maria Lima, condenou o ex-prefeito de Palmas, Carlos Amastha (PSB) por improbidade administrativa devido à demora em nomear servidores concursados da Prefeitura enquanto ele era gestor, em 2016. De acordo com a sentença, Amastha deverá ter os direitos políticos suspensos por três anos por ter supostamente d...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários