Em seu adeus à Procuradoria-Geral da República, Raquel Dodge anunciou nesta terça, 17, que protocolou uma denúncia envolvendo o assassinato da ex-vereadora Marielle Franco (PSOL), além de ter aberto um novo inquérito referente ao caso, ocorrido em março de 2018. Segundo a chefe da PGR, foi averiguado um esforço nas investigações em âmbito estadual ‘passassem longe ...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários