Pessoalmente, a doleira Nelma Kodama, 53 anos, ex-namorada de Alberto Youssef, também conhecida como “a dama do mercado”, prisioneira ilustre da Lava Jato, condenada por lavagem de dinheiro, organização criminosa, evasão de divisas e corrupção ativa, é uma simpatia. Aquele tipo de pessoa falante, dotada de traquejo social, e cheia de histórias da vida pra contar. Sempre achei ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar o Jornal do Tocantins

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários