O presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, derrubou ontem a autorização judicial que garantia ao ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares o direito de trabalhar fora da prisão. Condenado no julgamento do mensalão, Delúbio estava dando expediente desde janeiro na Central Única dos Trabalhadores (CUT), em Brasília. O ex-tesoureiro é o terceiro condenado no processo...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários