A prisão preventiva do ex-governador do Tocantins, Marcelo Miranda, foi mantida pelo juiz federal João Paulo Abe. O magistrado considerou como graves os elementos que motivaram a prisão. Miranda está em uma sala de Estado Maior no Comando Geral da Polícia Militar, em Palmas, onde aguarda a continuidade das investigações. Miranda prestou depoimento na sede da Pol...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários