A Assembleia Legislativa tinha 15 dias para cumprir espontaneamente a obrigação fixada pela Justiça, com data final em 1º de agosto deste ano, prazo já estendido por seis meses após confirmada pela Tribunal de Justiça uma sentença que obriga o Legislativo a reduzir, obrigatoriamente, os cargos comissionados na proporção de 50% para comissionados e efetivos. A decisão do tribunal tinha como…

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários