O Índice de Participação dos Municípios (IPM) para 2020 publicado em definitivo na quarta-feira, 28, pelo governo estadual mostra que o secretário Rogério Ramos acertou ao questionar de forma inédita, por via administrativa, o índice de repartição do ICMS que cabe ao município de Palmas. 

Pela regra, 25% de todo o ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços)…

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários