Flagrado após denúncia anônima de uma construção de barragem que represava o córrego Água Fria, em Taquaruçu, o diretor de administração e finanças do Naturatins Ivaci Rodrigues de Sousa recebeu autuação da Guarda Metropolitana Ambiental de Palmas.
 
Os fiscais municipais, porém, arbitraram o valor mínimo para a infração, de R$ 500 pelo represamento…

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários