O corregedor adjunto da Polícia Civil Douglas Sie Carreiro Lima se declarou suspeito para continuar a conduzir uma investigação da Corregedoria da Polícia Civil, aberta ainda sob o comando do ex-corregedor Fábio Simon, contra policiais de Gurupi - incluindo uma delegada-, da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos Automotores (DERFRVA).  Simon pediu exoneração do cargo e em…

Você se interessou por esta matéria?

Assinar o Jornal do Tocantins

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários