O prazo para a contestação do governo do estado venceria dia 26 de fevereiro de 2020, mas a Procuradoria-Geral do Estado se adiantou e apresentou antes uma contestação a uma ação judicial (Ação de Obrigação de Fazer com pedido liminar) apresentada à Justiça pelo juiz Adonias Barbosa da Silva na qual conseguiu liminar do Tribunal de Justiça para ter isenção sobre Imposto de Renda retido do seu…

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários