Ao completar 11 meses da morte do prefeito de Miracema, Moisés da Sercon, morto no dia 30 de julho do ano passado, familiares lançaram nesta terça-feira, 30, uma campanha nacional para intensificar as investigações a respeito do assassinato do gestor. O lançamento ocorreu às 9h com autoridades municipais e religiosas, além de representantes de diversos segmentos organizados da sociedade,…

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários