O Ministério Público Estadual (MPE-TO) denunciou nesta segunda-feira, 10, vereadores e ex-vereadores de Lajeado, distante 50 km de Palmas, por suposto envolvimento no esquema de venda de votos de parlamentares para elaboração de um projeto de lei que autorizou o município a fechar um acordo com o governo do Estado, ainda em 2014, pelo qual teria que abrir mão de 50% d...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários