Concursados e contratados da Fundação Radiodifusão Educativa do Estado do Tocantins (Redesat) realizaram na tarde desta quinta-feira, 3, um protesto pela permanência do veículo de comunicação. Os servidores e artistas regionais saíram em buzinaço da sede da emissora até o Palácio Araguaia. O Jornal do Tocantins teve a informação de que o secretário da Comunicaçã...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários