“A aplicação da reforma trabalhista está começando a ser efetiva de agora para frente. Teve a votação posterior dos destaques e regulamentações estavam sendo discutidas ainda em agosto”, avalia o presidente Nova Central Sindical de Trabalhadores no Tocantins (NCST-TO), Cleiton Pinheiro. Ele alerta o trabalhador sobre a contratação de pessoa jurídica, liberada pela nova regra...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários