A Justiça condenou e determinou o pagamento solidário de multa no valor de R$ 300 mil ao proprietário da Fazenda Reunidas Olhos D’Água (Fazenda Guarani), em Arraias (TO), que foi enquadrado por exploração de trabalho escravo no local, que possui uma carvoaria. A condenação foi motivada por meio de uma Ação Civil. A descoberta ocorreu em 2015 durante operação conjunta d...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários