Notícias

Juquinha é liberado após prestar depoimento na PF

Goiano é um dos investigados na operação que apura o desvio de mais de R$ 630 milhões sem obras da Ferrovia Norte-Sul

Diomício Gomes

Conduzido coercitivamente nesta manhã (26), em decorrência da Opeação O Recebedor, o ex-presidente da Valec Engenharia, Construção e Ferrovias, José Francisco das Neves, conhecido como Juquinha, foi liberado no fim da manhã de hoje, após prestar depoimento na sede da Polícia Federal em Goiânia.

Goiano, Juquinha é um dos investigados na operação que apura o desvio de mais de R$ 630 milhões sem obras da Ferrovia Norte-Sul em Goiás. Ele apontado como beneficiado de pelo menos R$ 800 mil em propinas pagas pela construtora Camargo Corrêa.

A Operação O Recebedor é um desdobramento de fatos apurados na Operação Lavajato e resulta de acordo de leniência e colaboração premiada que a Camargo Corrêa fechou com o Ministério Público Federal em Goiás (MPF-GO).

A empresa confessou a prática de cartel, corrupção, lavagem de dinheiro e crimes de licitação, além de se comprometer a restituir aos cofres públicos R$ 800 milhões, dos quais R$ 65 milhões são destinados a ressarcir os danos acusados à Valec. Além disso, entregou provas documentais e testemunhais contra outros empresas que participavam do esquema assim como contra o próprio Juquinha.

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ASSINE JÁ