Ao tomar posse nesta manhã, 1º, como governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC) reiterou em seu discurso o compromisso com o combate à corrupção e ao crime organizado. Ele disse ainda que assumir o estado é um ato de amor e se emocionou em alguns momentos, como quando agradeceu com a voz embargada à sua esposa, Helena Witzel. Witzel classificou de "narcoterroristas" os env...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários