Notícias

Fim da obrigação fragiliza entidades

Com fim da contribuição sindical compulsória, sindicatos menores podem ter problemas para manter a representatividade e prestar serviços de assessoria a seus filiados

Emerson Silva
Roberto Pires: Sindicatos vão precisar se reinventar
Uma das consequências coletivas da reforma trabalhista, aprovada no final do ano passado, começa a ser sentida agora pelas entidades classistas. É que a partir deste ano, o imposto sindical deixou de ser obrigatório e passou a depender da boa vontade de sindicalizados, tanto patronais quanto laborais. O maior impacto deve ser sentido pelas entidades que possuem menor ...
Matéria exclusiva para assinantes
Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ASSINE JÁ