Notícias

Economia de Palmas prejudicada

Após medida do governo que reduziu a carga horária dos servidores de 8h para 6h, comerciantes do setor de alimentação e transporte afirmam que procura caiu até 40%

Com a ausência de servidores, restaurante tradicional de Palmas teve queda de até 30% na movimentação no horário de almoço
A medida do governo do Estado que reduziu a carga horária dos servidores públicos estaduais de 8 horas para 6 horas diárias vem gerando impactos negativos em alguns setores da economia da Capital. Segundo comerciantes do ramo de alimentação ouvidos pelo Jornal do Tocantins, com a mudança no expediente para os servidores, as vendas caíram aproximadamente entre 20% e 30%...
Matéria exclusiva para assinantes
Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ASSINE JÁ