O candidato a governador César Simoni (PSL) avaliou que desarmar os brasileiros foi um ato impensado e defendeu que o cidadão tem direito a ter uma arma para se defender. “O Estatuto do Desarmamento foi um grande engodo, quem desarma a população são tipos como: Lênin, Stalin, Hitler, Mussolini e Lula”, avaliou Simoni. Para o candidato, sem arma o cidadão fica a mercê d...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários