Detido há um ano em um presídio de segurança máxima na Sardenha, na Itália, o terrorista Cesare Battisti tenta conseguir uma liberação das autoridades do país para conversar com seu filho brasileiro por Skype. Em entrevista ao jornal "Folha de S.Paulo", o advogado de Battisti, Davide Stecanella, contou que apresentou recentemente um pedido para o contato ser realiz...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários