A ameaça do Reino Unido de deixar a União Europeia sem um acordo, repetida diversas vezes nos últimos dias pelo premiê Boris Johnson, reavivou o desejo de unificação das Irlandas e pode prejudicar o acordo de paz que pôs fim a três décadas de conflito envolvendo os dois países, com pelo menos 3.600 mortos. As declarações também atiçaram o desejo de independência da E...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários