O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) criticou nesta terça-feira, 2, a ideia de transferência da embaixada do Brasil em Israel de Tel-Aviv para Jerusalém e afirmou que prefere uma "solução intermediária" para o assunto. Ele criticou ainda a política externa do governo Jair Bolsonaro. "Eu fico com o general vice-presidente (Hamilton Mourão). Eu apoio um...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários