Com a tensão entre o presidente Jair Bolsonaro e o presidente da França, Emmanuel Macron, a diplomacia francesa no Brasil usou canais de diálogo com o governador do Amapá, Waldez Góes (PDT), para antecipar a posição do país em relação à Amazônia na reunião de cúpula dos países do G-7, ocorrida no domingo passado. Países europeus cogitavam a...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários