O autor do ataque a duas mesquitas em Christchurch, no qual 50 pessoas morreram, responderá a 50 acusações de homicídio e outras 39 de tentativa de homicídio, informou a polícia da Nova Zelândia nesta quinta-feira (4). As acusações dizem respeito a cada pessoa morta ou ferida pelo terrorista australiano de extrema direita Brenton Tarrant, que pode passar o resto ...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários