Magazine

Saiba porque aplicativos retiraram GIFs das redes sociais

Snapchat e Instagram removeram temporariamente a possibilidade de adicionar imagens animadas

Pixabay/@TeroVesalainen

As redes sociais Snapchat e Instagram removeram temporariamente a possibilidade de adicionar GIFs (imagens animadas) nas publicações de suas plataformas após usuários descobrirem um GIF com teor racista.

Uma internauta descobriu a imagem animada nessa sexta-feira, 9, ao digitar ‘crime’ na barra de pesquisa. O GIF em questão apresentava uma barra de contagem onde se lia “Número de mortes de negros” e um homem branco sugerindo que o número deveria aumentar.

As imagens animadas são disponibilizadas às duas redes sociais através do portal Giphy. A empresa enviou um comunicado ao portal TechCrunch dizendo que removeu o GIF assim que soube de seu conteúdo. Além disso, afirmam que isso aconteceu por causa de um erro na moderação de conteúdo.

“Após investigação do incidente, descobrimos que o GIF foi disponibilizado devido a um erro em nossos filtros de moderação de conteúdo que afetou especificamente os GIFs. Nós consertamos o problema e passamos todo o nosso conteúdo pelos filtros novamente”.

A equipe ainda disse que irá checar cada GIF em seu portal individualmente. “Nós assumimos total responsabilidade pelo incidente e pedimos desculpas sinceras a qualquer um que tenha ficado ofendido”.

O Instagram disse que “Não há espaço para esse tipo de conteúdo no Instagram. Suspendemos a nossa integração com o Giphy enquanto eles investigam esta questão”.

A reportagem também entrou em contato com o Snapchat, mas não obteve resposta até o momento da publicação desta matéria.

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ASSINE JÁ