Magazine

O boom das histórias em quadrinhos

Apesar da crise dos estúdios de Hollywood, as apostas ainda estão focadas no filmes de heróis

O filme Liga da Justiça está entre as próximas estreias do ano

A crise editorial pode ter assombrado a indústria das histórias em quadrinhos, mas no cinema a situação é outra. Apesar da crise dos estúdios de Hollywood ainda assombrar os grandes conglomerados do audiovisual, como a Marvel e a DC Comics, as apostas estão todas focadas em homens e mulheres com superpoderes. Só em 2017 já foram lançados produções como Logan, que marcou a despedida do ator Hugh Jackman na pele do mutante Wolverine, Os Guardiões da Galáxia e Mulher-Maravilha, protagonizada pela carismática Gal Gadot.

Ainda foram levados para as salas de cinema histórias como a do Homem-Aranha: De Volta ao Lar, Valerian e a Cidade dos Mil Planetas, Kingsman: O Círculo Dourado e A Vigilante do Amanhã – este baseado no mangá Fantasma do Futuro, de Masamune Shirow, com Scarlett Johansson no papel principal. Para o próximo mês, há a previsão da estreia de Liga da Justiça, do diretor Zack Snyder, que coloca de uma só vez Batman, Superman, Mulher-Maravilha, Aquaman, Cyborg e Flash na mesma tela de cinema.

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ASSINE JÁ