Apesar da idade avançada, Dona Ivone Lara, venerada por sambistas de diferentes gerações e chamada de “Rainha do samba” e “Primeira-dama do samba”, fez shows há até pouco tempo atrás e em 2010, fora homenageada pelo Prêmio da Música Brasileira. Ela faleceu na última segunda-feira na Coordenação de Emergência Regional anexa ao Hospital Miguel Couto, no Leblon,...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários