Tendo como base a necessidade de incentivar os alunos à leitura, a Escola Estadual Professor Apoenan de Abreu Teixeira, localizada no Setor Buritizinho em Arraias, realiza, neste final de semana, o projeto Divertilê, que já está na 3ª edição. A iniciativa, repleta de conhecimentos e fruição de saberes, conta este ano com um diferencial: a presença de Nilo Alves, autor de umas das obras lidas no projeto Fogoió –o rei da confusão e Fogoió- nas sertanias do Tocantins.

De acordo com a professora de Língua portuguesa, Gleice Freitas, idealizadora do projeto, na proposta os alunos fazem a leitura das obras literárias e produzem paródias, poemas, teatros, danças, desenhos, escritas, cordéis, cartazes e histórias em quadrinhos unindo o lúdico ao pedagógico. “Todas as atividades acontecem no contra turno, sendo um dos nossos objetivos, tirar os alunos das ruas e das situações de vulnerabilidade, trazendo- os para a escola”, menciona.

A escola, segundo a professora, está localizada num bairro periférico e parte dos alunos vivem em condições precárias e estão expostos à drogas, sem atrativos que ofereçam a oportunidade deles terem lazer e cultura. “Por essas dificuldades, sentimos a importância de implementar o na vida desses alunos.