Uma rezadeira com o dom de curar pessoas é peça-chave para auxiliar na transformação e na descoberta interior de quem mais necessita. Assim é a mística Mercedes (Fernanda Montenegro). Interlocutora com um mundo paralelo, ela escuta vozes. Há anos, Mercedes segue à risca os direcionamentos que as vozes indicam e, a partir disso, transformou sua casa, em Pedra Santa, cidade fictícia na região do Jalapão, em um verdadeiro abrigo para a chegada do fim do mundo.

Na casa em que Mercedes vive de forma muito simples com a neta, ela se prepara estocando itens de primeira necessidade. Além disso, ela construiu no entorno estátuas de pedra, com as próprias mãos, que garantem o equilíbrio do planeta. Todos conhecem dona Mercedes, mulher sábia, amorosa e, acima de tudo, verdadeira.

E é nela que Josafá (Lima Duarte) encontra o alicerce para lidar com o desaparecimento da neta, Clara (Bianca Bin). Mesmo sabendo que algo grave está acontecendo com a jovem, Mercedes se coloca sempre por perto quando Josafá mais precisa. No passado, os dois viveram um grande amor e até hoje mantêm uma relação de amizade. Mercedes faz questão de ajudar a todos, mas o livre arbítrio é algo no qual ela não pode interferir.

Traições

Aparentemente, a personagem Elizabeth (Gloria Pires) tem uma vida perfeita: é casada com Henrique (Emilio de Mello), um diplomata bem-sucedido, e mãe de Adriana (Lara Cariello). O casal se conheceu anos atrás durante uma viagem de Henrique ao Tocantins. De origem humilde, ela mudou-se para o Rio e passou a viver em função do marido. Quando Henrique está prestes a conquistar um cargo de embaixador no exterior, seu pai, Natanael (Juca de Oliveira), que nunca aceitou o casamento do filho, coloca em prática um plano para afastá-lo de vez da esposa.

Praticamente sem vida social, Elizabeth acaba aceitando o convite da suposta amiga Jô (Bárbara Paz), para sair e se distrair. Jô apresenta Renan (Marcello Novaes), um bon vivant, para Elizabeth. Os dois passam a ter um caso, e tudo é monitorado por Natanael. Ele quer provar a traição de Beth.

Natanael ameaça Beth, que não suporta o assédio moral e a tortura psicológica e cede. Ela forja a própria morte e se afasta de todos que ama. Agora, com outra identidade, conhecida apenas como Duda (Gloria Pires), ela vive longe da filha Adriana (Julia Dalavia) e do marido. Vagando por diferentes cidades, num processo de autodestruição, ela se reconectará com o Jalapão, onde seu passado guarda segredos.

Bordel

Boa música e belas mulheres. O que não falta ao famoso bordel de Caetana (Laura Cardoso), na fictícia Pedra Santa, é animação. Por lá circulam forasteiros, garimpeiros e clientes poderosos. Há anos, Caetana transformou a casa, com o apoio de um misterioso sócio, num verdadeiro point da cidade. Leandra (Mayana Neiva) é o braço direito de Caetana. Ela assume o bordel depois que Caetana adoece e leva adiante a missão de manter o negócio rentável.

Sociedade

As mulheres de Palmas são frequentadoras do salão de Nick (Fabio Lago), o mago da beleza da sociedade palmense. Ele conquistou clientes exigentes como Sophia (Marieta Severo), Nádia (Eliane Giardini) e Lorena (Sandra Corveloni), que são frequentadoras do Glitter Gloss. Até mesmo Clara (Bianca Bin) costuma ir ao salão. É ele quem alerta Clara sobre Sophia e sua família.