Estado

Uso do cigarro é uma das principais causas de morte no Brasil

Hoje o País celebra o Dia Mundial de Combate ao Fumo; engenheiro conta como fez para largar vício; pneumologista alerta para outros problemas de saúde

Djavan Barbosa
O engenheiro de minas João Paulo Nunes Parrião, 33 anos, conta que sua relação com o cigarro começou cedo e fumou durante 10 anos. Porém, em 2015, com a ajuda de amigos conseguiu abandonar o vício, quando começou a sentir os efeitos nocivos nos pulmões. “Eu vi que algo não andava bem com minha saúde e eu sabia que era o cigarro, então larguei de vez a nicotina”, conf...
No mês de aniversário do Estado do Tocantins, cadastre-se e tenha acesso ilimitado à todo conteúdo do portal.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine Jornal do Tocantins!
Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ASSINE JÁ