Através de denúncia formalizada na Promotoria de Justiça de Augustinópolis, oficial de diligência do Ministério Público Estadual (MPE-TO) prendeu em flagrante o servidor público Davi Silva Pereira, pregoeiro do Município de Praia Norte. O flagrante deu-se após denúncia de que o mesmo estava negando acesso ao edital do processo licitatório destinado à aquisição de bens p...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine o Jornal do Tocantins!
QUERO SER ASSINANTE
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários