Estado

Servidor do Ibama no TO é suspeito de vender informações

A Polícia Federal acredita que o funcionário público repassava a fazendeiros informações privilegiadas sobre fiscalizações do órgão

Divulgação
Imagem meramente ilustrativa
Um servidor do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) no Tocantins, que não teve o nome divulgado,  está sendo investigado pela Polícia Federal (PF). O funcionário público é suspeito de repassar informações secretas do órgão em troca de dinheiro. De acordo com a corporação, a investigação teve início em decorrência da Ope...
Matéria exclusiva para assinantes
Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ASSINE JÁ