O Ministério Público Estadual (MPE-TO) abriu inquérito civil para investigar atos ilícitos supostamente praticados pelo prefeito de Dois Irmãos do Tocantins, a 200 km da Capital. De acordo com denúncia feita ao órgão, Wanilson Coelho Valadares (PV) teria contratado bandas de música com uso de R$ 100 mil que seria destinado à saúde do município e alugado veículos de p...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine o Jornal do Tocantins!
QUERO SER ASSINANTE
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários