Estado

Lavrador descobre que é considerado morto desde 2016 ao tentar sacar benefício

Osmar Gomes Barbosa, de 60 anos, que recebeu a notícia ao tentar sacar o FGTS, procurou a Defensoria para resolver ajudá-lo a resolver questão

DPE-TO/ Divulgação
defensora pública Letícia Amorim, que atendeu p lavrador Osmar Gomes Barbosa, de 60 anos
Um lavrador que mora na zona rural de Lagoa da Confusão, a 220 km da Capital, levou o maior susto ao descobrir que estava “morto”, ao tentar sacar o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) na Caixa Econômica Federal (CEF). Em janeiro deste ano, Osmar Gomes Barbosa, de 60 anos, foi impedido de sacar o benefício por constar na documentação de seu banco que el...
Matéria exclusiva para assinantes
Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ASSINE JÁ