Estado

Justiça determina remoção de 86 presos

Juiz Luiz Zilmar determinou remoção devido risco iminente de morte dos presos da Casa de Prisão Provisória de Palmas; vistoria constatou falhas e superlotação

Lia Mara
Reeducandos da CPP de Palmas fizeram muito barulho e relataram problemas internos e entre si aos representantes dos órgãos estaduais
Oitenta e seis detentos que estão recolhidos na Casa de Prisão Provisória (CPP) de Palmas deverão ser removidos para outras unidades prisionais devido o risco iminente de morte. A decisão foi dada pelo juiz de Direito Luiz Zilmar dos Santos Pires, titular da 4ª Vara Criminal e das Execuções Penais da Capital, após uma visita de rotina na unidade durante a manhã de onte...
Matéria exclusiva para assinantes
Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ASSINE JÁ