Estado

Justiça determina demissão contratos temporários previstos no concurso da Defesa Social

A sentença estabelece ainda o prazo máximo de 120 dias que o Governo do Estado conclua o concurso público da Defesa Social

A juíza Silvana Parfeniuk, da 3ª Vara da Fazenda e Registros Públicos, determinou ao Governo do Estado o desligamento/demissão, de forma gradual, de todos os servidores recrutados por meio de contrato temporário e admitidos com base na Lei Estadual nº 1.978/2008, que desempenham ou ocupam as funções relacionadas aos cargos previstos no Concurso Público do Quadro da D...
Matéria exclusiva para assinantes
Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ASSINE JÁ