Estado

Em 13 anos, CNJ pune 87 magistrados e servidores da Justiça

Aposentadoria compulsória é a pena mais grave que pode ser aplicada pelo Conselho, sendo também a mais comum, com 55 condenações ao todo

Em fevereiro de 2008, um desembargador do Tribunal de Justiça de Rondônia (TJ-RO) tornou-se o primeiro magistrado punido na história do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O Plenário do CNJ lhe aplicou a pena de aposentadoria compulsória. Ao completar o seu 13º aniversário, o órgão de controle disciplinar do Poder Judiciário contabiliza 87 punições determinadas a magistr...
No mês de aniversário do Estado do Tocantins, cadastre-se e tenha acesso ilimitado à todo conteúdo do portal.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine Jornal do Tocantins!
Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ASSINE JÁ