Estado

A longa espera por uma cirurgia

Pacientes passam meses internados sem data para realização de procedimento cirúrgico, o que onera em muito os cofres públicos; secretário diz que realidade é fruto de má gestão

O Projeto Opera Tocantins terá início nesta sexta-feira, 18, e a intenção é zerar a fila que já está em quase seis mil pessoas que precisam de cirurgias eletivas em até dois meses, segundo o secretário estadual da Saúde, Renato Jayme. Nessa lista, no entanto, não estão incluídos os mais de 200 pacientes internados na ala ortopédica do Hospital Geral de Palmas (HGP) qu...
Matéria exclusiva para assinantes
Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ASSINE JÁ